Home > Revista de Direito > 1958 - VOLUME 8

1958 - VOLUME 8

Facebook Twitter

SUMÁRIO

DOUTRINA:
Limitações urbanísticas ao uso da propriedade — HELY LOPES MEIRELLES

Direitos e deveres do cidadão perante o Fisco — JOSÉ DE AGUIAR DIAS

A concepção atual da seguridade social e sua repercussão na Teoria Geral do Direito — OSCAR SARAIVA

Desdobramento da enfiteuse tendo por objeto a transferência de partes ideais do terreno já aforado — CARLOS DE OLIVEIRA RAMOS

Exercício privado de função e serviços públicos, no quadro das nossas instituições administrativas — FERNANDO H. MENDES DE ALMEIDA

Impôsto de transmissão causa mortis, na sucessão dos colaterais do 4º grau — GASTÃO A. MACEDO

A Sesmaria da Cidade. Terrenos de Botafogo e São Clemente. Presunção de enfitêuticos desde que situados em áreas enfitêuticas. Usocapião de bens públicos. Leis interpretativas — J. V. SABOIA DE MEDEIROS

Três estudos sôbre Direito Fiscal — GERARDO DE OLIVEIRA MALDONADO
I — O anteprojeto de Código Tributário Nacional. Configuração jurídica dos impostos de alçada dos Estados e Municípios
II — Incidência do imposto de transmissão causa mortis. Bem de Família
III — Desconto das dívidas passivas dos espólios inventariados

Podem e devem os Tribunais de Contas apreciar a constitucionalidade das Leis — IVAN LINS

A tributação das vendas mercantis em moldes mais razoáveis o mais justos — OTTO GIL

Processo executivo fiscal — RAUL R. LOUREIRO

O direito de construir e as responsabilidades decorrentes das construções — HELY LOPES MEIRELLES

Considerações gerais sôbre o direito de propriedade

O uso da propriedade e a proteção à segurança, ao sossêgo e à saúde dos vizinhos

O direito de construir e as restrições de vizinhança

O assistente e sua intervenção no processo — BENEDICTO BARROS

Comissões Parlamentares de inquérito nos Estados Unidos — J. X. GÓES DE ANDRADE

Abuso de Direito — ALAÔR BRAGA DA SILVA

PODER EXECUTIVO
I — SECRETARIA GERAL DE ADMINISTRAÇÃO
— Plano de Administração — C.ARLOS EDUARDO DE OLIVEIRA VALLE

II— PROCURADORIA GERAL
PÁGS.
— Relatório sôbre um curso de direita anglo-americano — J. X GÓES DE ANDRADE

INTERÊSSE GERAL
I — PROCURADORIA GERAL
— A questão do Morro de Santo Antônio — Parecer-Relatório — MAURÍCIO DE LACERDA
Resumo da questão
Na Colônia e no Império — 1607-1889
Depois da República. Govêrno Provisório — 1889-1891
A escritura de venda do morro. A fraude, As desavenças entre os diretores da Companhia

A escritura
A posse
As divergências entre os diretores da Companhia
A escritura de 1897. A compra do morro e da concess6o pelo Com. José Marcelino Pereira de Morais
A concessão José Marcelino — 1900-1910
A Companhia Industrial Santa Fé. Sua organização. Capital. Acionistas. 1919
A adjudicação do Morro e da Concessão à Cia. Industrial Santa Fé
A propriedade do Morro e os pareceres dos jurisconsultos 1911-1931
O Parecer Araripe Júnior

O parecer Rodrigo Octavio
As más finanças da Companhia Santa Fé
O Banco Português do Brasil
O parecer do Procurador-Geral da República
No Govêrno Washington

Depois da Revolução — 1981
O Parecer do Ministério do Trabalho
A solução Collor
A escritura Bergamini de 26 de agósto de 1931
Ainda a escritura Bergamini
Os documentos da Comissão Bergamini e do Ministério do Trabalho

Os Contratos de 1921
A ação do Ministério da Fazenda

O contrato com a Prefeitura
O extravio do requerimento da Comp. na Prefeitura e o parecer protesto Costa Ferreira (1920)
A burla continua (1921)
O caso do reservatório, (1922-1923)
O protesto do Ministro da Viação, José Américo (1981)
O relatório da Comissão de Sindicância Sá Freire

O despacho do Chefe do Gov. Prov. Nulidades e responsabilidades
A onzena do caso da Santa Fé
A dívida do Cel. Santiago

Contrato Ewerton Pinto-Meanda Curty
O crédito do Banco Português
As influências políticas
O parecer Carvalho Mourão
O lençol de Ferreira Viana
O inventário e a liquidação orçada. Novas manobras e novas fraudes
O parecer Francisco Campos
Breve resposta a uma longa defesa. O parecer Astolfo Rezende
O abuso de poder
A boa-fé e as benfeitorias
O plano Agache
Conclusão

II — GABINETE DO PREFEITO
Apontamentos para a história dos ônibus elétricos do Rio de Janeiro
I — A Lei nº 820, de 1955
II — A Lei nº 826, da 1955
III — Constituição da La Comissão
IV — Relatório da 1ª Comissão
V — Constituição da 2ª Comissão. Portaria nº 397, de 24-maio-56
VI — Designação de Representante do Clube de Engenharia. Portaria nº 494, de 23-julho-56

VII — Relatório da Comissão encaminhando anteprojeto e minuta do edital de concorrência
VIII — Edital de concorrência
IX — Ata da abertura da concorrência
X — Recurso da Auto-Motor, contra a não abertura de sua proposta

XI — Informação da Comissão ao recurso da Auto-Motor 
XII — Parecer da Consultoria Jurídica sôbre o recurso da Auto Motor 
XIII — Recurso nº 2 da Auto-Motor
XIV — Informação da Comissão, ao recurso da Berliet S.A.
XV — Informação da Comissão, a um requerimento de informações do Vereador Gladstone Melo
XVI — Relatório da Comissão, contendo o julgamento das propostas apresentadas na concorrência
XVII — Consulta da Comissão ao American Institute of Electrical Engineers 
XVIII — Carta do Engenheiro Thudichum ao Prefeito
XIX — Resposta da Comissão ao Engenheiro Thudichum
XX — Recurso da Cobrazil contra as conclusões do relatório da Comissão

XXI — Parecer da Comissão quanto ao recurso da Cobrazil
XXII — Informação do Prefeito ao Presidente da República num memorial da Cobrazil
XXIII — Recurso da Matenge contra o laudo do julgamento da Comissão
XXIV — Parecer da Comissão quanto ao recurso da Matenge 
XXV — Carta da Comissão ao "Estado de São Paulo"

XXVI — Relatório da Comissão ao Prefeito, encaminhando minuta de contrato o oferecendo sugestões
XXVII — Parecer da Consultoria Jurídica sôbre a cláusula da minuta do contrato referente à indenização
XXVIII — Contrato para a instalação de ônibus elétricos
XXIX — Tribunal de Contas. Voto vencedor do Ministro João Lyra Filho
XXX — Informação prestada pela Comissão pertinentemente à decisão do Tribunal de Contas
XXXI — Ofício do Prefeito à Câmara dos Vereadores, encaminhando as apreciações da Comissão

XXXII — Parecer do Relator na Comissão de Justiça da Câmara dos Vereadores
XXXIII — Voto em separado do Vereador Gladstone Mello, na Comissão de Justiça
XXXIV — Registro do contrato
XXXV — Voto do Ministro João Lyra Filho ao formalizar o registro
XXXVI — Ofício à Sumoc sabre o pedido de importação

XXXVII — Anexo nº I ao pedido de importação
XXXVIII — Anexo nº II ao pedido de importação
XXXIX — Ofício do Prefeito, pedindo a garantia subsidiária do Banco do Brasil
XL — Relatório da Comissão apresentando projeto definitivo
XLI — Parecer da Procuradoria Geral da P . D . F .
XLII — Resolução da Comissão autorizando o início das obras
XLIII — Resposta ao requerimento de informações da Vereadora Ligia Lessa Bastos


Índice

 

Conquistas
Conquistas
Decisão do STF impede que o estado do Rio seja colocado em cadastro de inadimplente pelo não pagamento de um empréstimo Leia mais

Endereco Rua do Carmo, 27, Centro Rio de Janeiro Acompanhe as ações da PGE-RJ também nas redes sociais YouTube Facebook Twitter