Home > Imprensa > Notícias
01 de julho de 2024
PGE-RJ Faz Exposição com Destaques do Acervo da Biblioteca Marcos Juruena Villela Souto
Facebook Twitter
PGE-RJ Faz Exposição com Destaques do Acervo da Biblioteca Marcos Juruena Villela Souto

Para celebrar os 75 anos da Biblioteca Marcos Juruena Villela Souto, completos no dia 18 de abril, a Procuradoria Geral do Estado (PGE-RJ) inaugurou a exposição “Biblioteca Marcos Juruena 75 anos: um olhar a partir de suas coleções especiais”, com 26 obras de destaque do acervo de 90 mil livros. A mostra aberta ao público no 2º andar do Centro Cultural PGE-RJ, no antigo Convento do Carmo, destaca obras com dedicatórias de personalidades como o ex-presidente José Sarney, e os escritores Monteiro Lobato e Clarice Lispector, e obras raras que remontam a 1752.

“A ideia da exposição é demonstrar as variadas influências no desenvolvimento do acervo raro e precioso da BMJVS, que atualmente transitam entre o Direito, Literatura e História. Mas, principalmente, o que temos é uma biblioteca que testemunha o próprio crescimento da PGE-RJ como instituição, a atuação de seus atores, e o elemento humano-intelectual na formação das coleções”, observou o bibliotecário Thiago Cirne, curador do acervo especial da PGE-RJ.

De acordo com Thiago Cirne, outra preocupação que os responsáveis pela administração da biblioteca tiveram nos últimos anos foi identificar as obras fundadoras do acervo, iniciado em 1949, que se juntaram, em anos mais recentes, às coleções especiais provenientes de estudiosos e escritores renomados do campo do Direito, da Literatura e da História.

“Nossas coleções especiais possuem obras que não merecem ficar armazenadas em estantes o tempo todo. É fundamental que elas estejam expostas ao público, sempre com os devidos cuidados para sua preservação”, comentou Andreia Monteiro, coordenadora da BMJVS.

As 12 coleções especiais reúnem aproximadamente 30 mil obras (um terço do total do acervo total da biblioteca) que representam um patrimônio bibliográfico de importância não apenas para o Estado do Rio, mas para o Brasil.

Entre as obras expostas, destacam-se:

CALEPINO, Ambrogio. Septem linguarum calepinus, hoc est lexicon latinum […]. Patavii: Typis Seminarii, 1752.

CAMÕES, Luís de. Obras de Luis de Camoens… Paris: A custa de Pedro Gendron, 1759.

BELL, John. Bell’s new pantheon: or, historical dictionary of the gods, demi-gods, heroes, and fabulous personages of antiquity… London: J. Bell, 1790.

BRASIL. Constituição politica do Imperio do Brazil. Rio de Janeiro: Tipographia Nacional, 1873. Edição diminuta.

CONSTITUIÇÃO anotada por Francisco Campos. [S.l.: s.n., ca. 1937]. Esboço original, datilografado e com anotações manuscritas.

LOBATO, Monteiro. Reinações de Narizinho. São Paulo: Editora Brasiliense, 1947. Dedicatória do autor.

COSTA, José Sarney. A canção inicial. São Luis: Afluente, 1954. Dedicatória do ex-Presidente do Brasil (1985 a 1990) José Sarney.

Serviço
Local: Centro Cultural PGE-RJ, antigo Convento do Carmo, 2° andar
Duração da mostra: De 20 de junho a 20 de julho de 2024
Dias e horários: De segunda a sexta, das 8h às 18h
Ingresso: gratuito


Endereco Rua do Carmo, 27, Centro Rio de Janeiro
Acompanhe as ações da PGE-RJ também nas redes sociais YouTube Facebook Twitter